Dicas para a boa prática da enfermagem

A enfermagem é uma profissão única que não só cuida, como também aprende a lidar com o próximo. Porém, o que muitas pessoas não sabem, é que coordenar, gerenciar e liderar também são funções natas de um enfermeiro.

Há duas categorias que trabalham diretamente com o enfermeiro: auxiliar de enfermagem, que possui formação básica, e o técnico de enfermagem, com formação técnica.

O enfermeiro é quem coordena todo o processo assistencial, remanejando os trabalhos pros demais profissionais e auxiliando em qualquer prática. Ele também deve ter competência para gerenciar os processos organizacionais e operacionais. Além de lidar com médicos, farmacêuticos e também pacientes e familiares.

Prontuário eletrônico

O prontuário eletrônico é um documento oficial que contém todos os procedimentos realizados no paciente. Qualquer ministração de remédios ou exames deve constar neste relatório, ou seja, ele é fundamental para o trabalho do enfermeiro.

É um respaldo legal no caso de alguma contestação ou situação jurídica. Este documento também é responsável pela origem dos ressarcimentos dos custos da instituição. Por conta disso, o seu preenchimento é vital.

Gestão

Além de gestor de pessoas, o enfermeiro também atua como um gestor de negócios. Ele é um dos responsáveis pela sobrevivência natural da instituição e a otimização dos recursos.

Este profissional tem que acompanhar a relação custo-benefício de todos os seus atos, garantindo o melhor uso dos recursos, sempre priorizando o bem-estar e humanização de seus pacientes.

Graduação

Infelizmente, hoje existe uma divergência entre a formação do enfermeiro e a demanda do mercado. Com infinitas possibilidades de faculdades e escolas, existem cursos que não dão a devida formação ao corpo docente, gerando distorções na profissão.

Devido este déficit, o Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo (Coren- SP) tem tomado algumas ações proativas para impedir que a docência da profissão continue incompetente. Uma delas é o prêmio de gestão da qualidade que reconhece escolas técnicas e universidades, por meio de uma série de indicadores, que primam pela excelência do ensino.

Para que o profissional seja completo é necessário esforço e dedicação, e principalmente amor. Profissões que exigem um alto teor de precisão e cuidado devem ser exercidas impecavelmente e o enfermeiro é um desses profissionais.

(Visited 528 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *