Cuidar é a melhor decisão

A luta contra o HIV, AIDS e outras IST ‘s ocorre durante o ano todo, mas a campanha é reforçada em dezembro, com o Dezembro Vermelho. A ação objetiva chamar a atenção para a prevenção, a assistência e a proteção dos direitos das pessoas infectadas com o HIV.

No Brasil, 92% das pessoas em tratamento já atingiram o estágio de estarem indetectáveis, ou seja, estado em que a pessoa não transmite o vírus e consegue manter a qualidade de vida sem manifestar os sintomas da Aids. Todo o tratamento pode ser realizado pelo SUS com medicamentos gratuitos. 

A proposta do Dezembro Vermelho é informar e constituir uma série de atividades relacionadas ao enfrentamento ao HIV/Aids e às demais ISTs, em conjunto com o Sistema Único de Saúde (SUS). Pensando em promover saúde, o Ministério da Saúde propõe como foco da campanha a prevenção combinada, que consiste na adoção de várias maneiras de minimizar o risco tanto de transmissão, como de agravamento e complicações oriundos das infecções por HIV e IST. 

O uso do preservativo (masculino ou feminino) em todas as relações sexuais (orais, anais e vaginais) é o método mais eficaz para evitar a transmissão das IST, do HIV/Aids e das hepatites virais B e C. Além da utilização de preservativos, são orientados: realizar exames de rotina, manter um diálogo aberto entre os parceiros sexuais, realizar os tratamentos adequados para as IST’s, testagem de HIV e imunização para HPV.

Todas as medidas estão disponíveis no Sistema Único de Saúde e em caso de sintomas de IST’s (coceiras, feridas, mal cheiro nas partes íntimas) ou contato confirmado com soro positivo, procure a unidade básica de saúde mais próxima da sua casa para receber o tratamento adequado e esclarecer todas as dúvidas.

Dá para viver bem, se cuidando! 

(Visited 9 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *